AUMENTE SEU FOCO IMEDIATAMENTE EM ATÉ 7 VEZES ATRAVÉS DA TÉCNICA POMODORO

Tempo de leitura: 8 minutos

Você já teve a sensação de que seu dia não rendeu nada? Ou, já sentiu que estudou, estudou, mas sempre tem um conteúdo que está ficando para trás? Diga adeus a tudo isso com a técnica pomodoro.

Em caso positivo, talvez sua rotina de estudos esteja precisando de uma dose a mais de produtividade.

E não pense que para isso será necessário que você estude mais.

Pelo contrário, é saber usar de maneira mais inteligente o seu próprio tempo.

Eficiência e dedicação são dois fatores fundamentais para você se dar bem nos estudos, seja para vestibulares, concursos públicos…

Mas, como conseguir se concentrar sem dar aquela conferida nas redes sociais, com as notificações do celular tocando a todo momento e outros fatores externos e internos que prejudicam o seu desempenho?

Para você ter uma produtividade incomparável conheça a técnica pomodoro agora mesmo!

TÉCNICA POMODORO

Um dos sistemas mais utilizados para alcançar bons resultados. É simples, não custa nada e pode te auxiliar bastante em uma maior produtividade nos estudos.

A produtividade é uma característica essencial para obter ótimos desempenhos em diversos âmbitos da vida, especialmente no trabalho e nos estudos.

Por isso, é imprescindível que você saiba como aumentar sua produtividade e assim adquirir alguns hábitos para se sentir motivado a concluir suas tarefas de maneira eficaz.

O QUE É A TÉCNICA POMODORO

A técnica pomodoro é um método de gerenciamento de tempo.

A produtividade e o tempo são dois pontos que estão diretamente relacionados. Devido a isso, é fundamental que você saiba como planejar os horários para que suas atividades possam ser concluídas corretamente e dentro dos prazos estabelecidos.

O italiano Francesco Cirillo foi quem criou a técnica pomodoro no final dos anos 80. Ele mesmo buscava uma forma de aumentar sua produtividade nos estudos.

Assim, Francesco começou a questionar se o tempo que ele se dedicava aos estudos estava realmente sendo aproveitado com eficiência para aprender.

Com o objetivo de analisar se seu estudo estava sendo proveitoso, ele decidiu utilizar um timer de cozinha para monitorar o período que mantinha o foco no aprendizado de suas tarefas.

Esse cronômetro tinha o formato de um tomate, por isso deu-se o nome da técnica pomodoro.

Francesco Cirillo, durante sua análise, observou que constantemente aconteciam pausas e que essas o fazia perder muito tempo útil tendo como resultado o stress e a ansiedade.

Ele então concluiu que para ter uma aprendizagem efetiva era necessário desenvolver um sistema que promovesse disciplina e concentração.

Assim, o italiano decidiu fazer uma listagem dos materiais mais importantes e dividir seu estudo em períodos de 25 minutos com pausas de 5 minutos.

Depois que Francesco sentiu na prática que a técnica pomodoro era capaz de trazer resultados significativos ao seu aprendizado, ele resolveu em 1992 divulgar esse método de estudo.

Desde então, o sistema criado por ele ganhou adeptos por todo o mundo e vem sendo utilizado por várias pessoas que desejam aumentar a produtividade nos estudos e também no trabalho.

Está gostando desse artigo? Então cadastre seu email abaixo para se juntar a vários leitores inteligentes do Memória Boa e receber novos conteúdos.

FIQUE ATUALIZADO!

Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!

TÉCNICA POMODORO – COMO FUNCIONA

A técnica pomodoro parte do pressuposto de que pequenos intervalos entre atividades podem garantir maior foco durante o estudo ou trabalho.

O princípio do método é bem simples e para você obter uma produtividade incomparável deve começar assim:

  • Em uma folha de papel, faça a listagem do que precisa ser realizado;
  • Programe seu cronômetro (pode ser o físico, do celular, instalado no computador como o Tomighty ou online Tomato Timer) em 25 minutos, sendo que cada um deles é chamado de pomodoro;
  • Mantenha o foco em uma das tarefas e trabalhe nela sem interrupções até que o tempo de 25 minutos se esgote;
  • Quando chegar ao fim do pomodoro, ou seja, quando o despertador tocar, faça uma pausa de 5 minutos. Aqui você pode se levantar, ir ao banheiro ou alguma outra atividade que te ajude a relaxar;
  • Depois que terminar a tarefa risque-a de sua lista;
  • Passe para a próxima atividade (25 minutos);
  • A cada quatro pomodoros faça uma pausa maior de 30 minutos até retomar às tarefas.

Faça esse processo todos os dias em que for estudar. É recomendado que você faça a lista diária e anote ao lado de cada tarefa quantos pomodoros precisou usar para concluí-la.

Com o passar do tempo você vai descobrir qual a quantidade de pomodoros utiliza para finalizar suas atividades e isso irá te ajudar a estimar prazos e aumentar sua produtividade.

A TÉCNICA POMODORO E AS INTERRUPÇÕES

Uma das regras mais importantes do método pomodoro é que você deve gerenciar e evitar que interrupções aconteçam durante o tempo de 25 minutos.

Essas interrupções podem ser:

  • Internas – as que partem de você e podem ser deixadas para depois como, por exemplo, sentir vontade de comer hambúrguer ou ter que telefonar para alguém. Em casos urgentes, você pode interromper a tarefa e marcar um apóstrofo ao lado dela, que servirá para indicar quantas vezes você se distraiu.
  • Externas – são as que partem do ambiente no qual você está inserido/a. Por exemplo, chega um email, o telefone toca, etc. A não ser também que seja algo de urgência, você  pode marcar um hífen ao lado dessa tarefa para medir quantas vezes foi interrompido.

Interessante! Não é mesmo?

Depois de alguns dias usando a técnica pomodoro você vai conseguir identificar alguns detalhes importantes que podem melhorar sua produtividade nos estudos, como:

  • Entender o que te distrai com frequência; e
  • Descobrir quais são as principais interrupções que ocorrem durante o tempo que você está realizando uma tarefa.

TÉCNICA POMODORO – PRODUTIVIDADE INCOMPARÁVEL!

Sabe aquela vontade que bate de vez quando de deixar para fazer depois o que pode ser feito no momento?

Pois é. A técnica pomodoro ajuda a evitar a procrastinação e assim também você se beneficia com ela.

Esse método de gerenciamento de tempo é essencial à produtividade. É uma forma sistemática para resolver a sua listagem de tarefas e pode atender às suas necessidades.

Logo, o mais importante é que você experimente essa técnica de produtividade incomparável e verifique se ela realmente é a ideal para o seu caso. Se for preciso, identifique a melhor maneira de adaptá-la à sua necessidade.

E se você precisar de um UP na evolução da sua produtividade conheça o treinamento do nosso parceiro Sérgio Ribs no banner aqui abaixo, que irá alavancar os seus resultados e te mostrar formas inovadoras de aprender com qualidade e velocidade jamais imaginadas.

COMO EU FAÇO NA PRÁTICA:

Eu utilizo quase que diariamente a técnica pomodoro nas atividades diárias, seja no serviço ou em qualquer tarefa que necessite atenção e concentração.

Eis aqui algumas sugestões práticas.

Em primeiro lugar baixe o aplicativo clicando aqui e instale em seu computador. É totalmente intuitivo e não tem segredo algum para instalação.

Ao acessar o app, um ícone aparecerá ao lado do relógio na tela do computador, onde você deverá clicar para iniciar o primeiro ciclo de 25 minutos. Conforme as instruções você deverá repetir esse processo quatro vezes, com intervalos de 5 minutos entre cada ciclo para descanso.

Quando as idéias e pensamentos surgem durante o ciclo, eu utilizo ao invés de uma folha, o aplicativo Evernote para registrar as “distrações” e quando finalizar o ciclo eu vejo se resolvo na hora ou deixo para resolver após a finalização completa do ciclo que demora 2 horas em média.


FERRAMENTAS

Tomato Timer (https://tomato-timer.com/) – Se você optar por utilizar um timer via web essa é a minha indicação.

Tomighty (http://tomighty.org/) – Se você quiser instalar um timer no seu computador, esse é o meu favorito.

Evernote (https://evernote.com/) – Excelente aplicativo para anotações e registros dos mais variados tipos, desde notas, imagens, pensamentos e check lists.


Se esse artigo ajudou você, por favor, compartilhe-o com seus amigos. Desse modo, todos saímos ganhando.

Aproveite também para se inscrever em nossa lista de email e seja o primeiro a receber novos artigos como esse.

Basta colocar seu email abaixo e confirmá-lo depois!

Forte abraço e sucesso!